sábado, 2 de março de 2013

Nossa Homenagem - Rui Pantera 54 anos


Um dos mais conhecidos personagens do rádio santista nas décadas finais do século XX foi Rui Pantera.
Receba com carinho nossa humilde homenagem pelos seus 54 anos de idade (03/03/2013)


Pantera é apontado como uma lenda no rádio e faz parte da história do veículo. Participou da chegada da FM a Santos. A pioneira foi a Tribuna FM e, na seqüência, vieram Cultura e as demais. O locutor também foi testemunha ocular e oral dos períodos mais criativos da música, principalmente do rock, do final dos anos 1970 aos anos 1980.


Aos 6 anos, o menino usava uma latinha de extrato de tomate com linha de pesca para fazer locuções e entrevistar os amigos.

Era costume, aos 10, ficar pregado no orelhão para pedir músicas aos locutores da AM. De tão conhecido, ganhou emprego de office-boy. Absorveu o que via e ouvia, tornou-se sonoplasta. 


Rui passou pelas rádios Cultura, Tri FM, 95 Rádio Rock, 98 FM e Enseada. "Trabalhei com Marcelo Petito, Tony Lamers, Beto Zarife, Zerri, Pedro Luiz, Torquato, Júlio Mazzei, Beto Rivera, Cleber Celino. A Inês Bari, que me ensinou muito de rádio. A Isabel Machado, que me agüentou, coitada! São tantas pessoas importantes que sei que esqueci de citar algumas".

Receba nossa homenagem através deste vídeo (não leve em conta a qualidade, pois não é fácil reunir feras em apenas 2 dias de busca e os aparelhos de captação de vídeo são dos mais diversos tipos e modelos), muitos acabaram de ficar de fora, mas lembre-se, muitos te amam e admiram!

Rui, Deus te abençoe, sempre
Em Cristo, em amor,
Pr. Emerson José




Mais homenagens:
Hudson Marcondes



1 comentários:

hansenharryebm disse...

Muito legal o video, pena que não consegui fazer o meu a tempo. O Rui foi meu primeiro patrão, eu só o conhecia de nome até ele abrir a loja, que imediatamente virou point para mim, eu passava a tarde inteira lá, e dava palpite nas trocas que o Rui devia ou não fazer, ele sempre acabava me dando os discos que eu queria por isso, até que a coisa acabou sendo oficializada e eu acabei sendo contratado de vez. Depois dos 80s, eu perdi contato com ele, que tinha ido para Goiás, ou Mato Grosso, e lá ele foi atropelado e ficou em coma, e chegou para a gente a noticia falsa da morte dele. Algum tempo depois, já recuperado, ele voltou para Santos, e conta que tinha gente que o via e saía correndo, achando que era um fantasma, rsrsrsrs
Depois que voltei a Santos, em 2005, falei com ele uma ou duas vezes por telefone, e acabei reencontrando-o no Facebook. Espero que agora ele passe a agir de acordo com a idade dele (kkkkkkk) e que role esse encontro dos locutores em Santos. Grande abraço e parabéns a todos os envolvidos...

Postar um comentário